Inicio >> Eventos >> Mercado Erótico coloca Sexy Fair em 100 veículos de comunicação internacionais

Mercado Erótico coloca Sexy Fair em 100 veículos de comunicação internacionais

O Concurso Deusa Plus Size 2019 aconteceu durante a última Sexy Fair no Rio de Janeiro e foi noticiado em mais de 100 veículos em 6 idiomas diferentes. Quer saber como isso foi possível? Continue lendo essa matéria que vamos explicar todos os detalhes!

O MercadoErotico.Org foi apoiador do Concurso Deusa Plus Size 2019 realizado no dia 03 de maio, na Sexy Fair, a feira erótica do Rio de Janeiro.

Nossa equipe assumiu com prazer a missão de gerir as redes sociais do evento bem como a assessoria de imprensa.

Redes Sociais Convergentes

Na parte de redes sociais, o volume de trabalho foi grande, pois as organizadoras do concurso, Francilene Perez e Gisele Santos fizeram questão de destacar cada uma das 29 candidatas, bem como cada apoiador, colaborador, patrocinador, convidados e atrações.

Uma estratégia louvável não só pelo reconhecimento de todos os envolvidos no evento, mas também porque é convergente para as redes.

Tanto a página do Facebook quanto o perfil do Instagram ganharam mais de 1000 seguidores de forma orgânica durante o processo de organização e realização do concurso.

Assessoria de Imprensa desafiadora

Já na Assessoria de Imprensa, nosso grande desafio foi conquistar o apoio dos veículos de comunicação tanto para a divulgação pré evento quanto na cobertura do evento em si.

Mesmo que a população brasileira já esteja com 51% dos homens e 48% das mulheres acima do peso saudável (dados do IBGE), é difícil fazer entender que já haja um concurso que elogie a sensualidade de quem esteja nessa situação.

Ainda há muito preconceito em relação à obesidade, um assunto que aparece na mídia ainda muito relacionado com a saúde e sempre tratado como uma doença que precisa ser curada.

Essa abordagem, replicada diariamente e consistentemente, ajudou ao longo dos anos, junto com a moda e a publicidade, a gerar um padrão de beleza ideal ( indivíduos magros, malhados e altos).

Esse padrão causou por um longo tempo, e ainda causa, ansiedade e perda da autoestima para quem se encontra fora dele por variados motivos .

Obesidade e sobrepeso nem sempre são condições anormais do ser humano.

Há diversas causas para a pessoa ser “Plus Size”. Desde biótipo e genética a um estado corporal temporário causado por uma gravidez, tratamentos medicamentosos, estados psíquicos, e aí sim, até por  algumas doenças.

Ao propor um Concurso Deusa Plus Size, as organizadoras junto com o Osmar Gil, o realizador da Sexy Fair, querem colocar em pauta todas essas nuances e não mostrar um circo de horrores ou fazer apologia à obesidade.

Mulheres que estão ou são gordas também podem ser sexies. Ou então elas teriam que esperar um dia conquistarem o corpo perfeito para exercerem a sua sensualidade?

Um questão de sensibilidade

Mesmo com o suporte da assessoria de imprensa da Sexy Fair, pouquíssimos jornalistas brasileiros perceberam esse potencial de pauta do Deusa Plus Size.

Graças à parceria com a AFP – Agência Fran Press, o Deusa Plus Size 2019 foi noticiado por mais de 100 veículos em 6 idiomas diferentes.

Enquanto no Brasil, somente o Jornal Extra via a assessoria de imprensa da Sexy Fair e a Coluna Celina do Jornal O Globo on line via a nossa assessoria deram espaço para a pauta.

Deusa Plus Size no O Globo

E que espaço: as duas matérias tiveram abordagens diferenciadas mas eficientes e sinceras. Destacaram histórias de superação das candidatas, bem como o empoderamento crescente plus size.

Uma linha de raciocínio também seguida por Carlos Fabal, repórter da AFP. Para conquistar o interesse da imprensa internacional para o Deusa Plus Size, ele escolheu a história de vida da Thayanne Oliveira, a mais jovem entre as candidatas que esteve no concurso com metas de auto superação após vencer um câncer.

A AFP tem inclusive como principal praça, Paris, a capital mundial da moda. E por lá o Concurso Deusa Plus Size foi amplamente divulgado e elogiado.

A notícia que inicialmente foi divulgada pela AFP,  de um dia para o outro também viralizou e foi replicada em veículos que não a pegaram da fonte e sim dos primeiros portais que a publicaram ganhando fronteiras ainda mais distantes.

Muitos veículos incluíram inclusive posts do Instagram do Concurso Deusa Plus Size no corpo de suas matérias atraindo seguidores  entre seus leitores para o perfil do evento.

Acompanhe alguns links das matérias sobre o Concurso Deusa Plus Size 2019 pelo mundo: 

EUROPA

Deusa Plus Size na Bulgária

Alemanha

Yahoo! 

De Tagesspiegel

MSN 

Wize.Life

NordHessen Journal

Áustria

Heute

Bélgica

Metro Time 

RTL

La Libre

DHNet

Paris Match Belgique

Bulgária

Akmu 

Espanha

Difundir.Org

França

Orange 

La Croix

La Republique des Pyrénées

France Soir

LexPress

La Provence

Ma Grande Taille

TV5Monde

Luxemburgo

Le Essentiel 

Suíça

20Min

América do Norte

Deusa plus size no Canadá

Canadá

Le Soleil

La Tribune

México

News Paperon 

Milenio 

TeleDiario 

El Mañana  

LiderWeb 

Ray Zubiri

Ke Buena

Impacto 

Diario Del Yaqui 

Sé Uno Notícias

ADN Morelos 

Debate

Elemental Oaxaca

América Central

Deusa plus size no Panamá

El Salvador

MegaVision

Guatemala

PubliNews

Haiti

Loop Haiti

Haitian Promo Plus 

Panamá

La Prensa

América do Sul

Deusa Plus Size no Uruguai

Chile

Rádio Agricultura 

Órbita Notícias

BioBio Chile

Colômbia

El Espectador 

Caracol TV  

La FM 

Alerta Paisa

La Mega

Equador

Diário Expreso
Diário Expreso – edição impressa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Peru

MM Agência

Wapa

Uruguai

La Red21 

Eme de Mujer 

África

Deusa plus size no Egito

Camarões

Teles Relay

Egito

Khabar Al Youm

Senegal

ToutInfo 

Exclusif 

Xibaaru 

 

Ásia

Deusa plus size no Japão

Japão

Yahoo!  

 

Por que o Concurso Deusa Plus Size foi divulgado internacionalmente?

Pra começar, não foi a primeira vez que o evento ganhou destaque internacional. Em 2017, em sua primeira edição durante a 1ª Sexy Fair, o Concurso Deusa Plus Size também ganhou a cobertura da Agência EFE de notícias e apareceu em quase todos os países de língua espanhola. Incluindo jornais de Nova York e da Califórnia publicados em espanhol e também em algumas regiões da Itália.

Impresa Deusa Plus Size 2017
Alguns dos veículos que divulgaram a primeira edição do Deusa Plus Size em 2017

Mas listamos aqui outros 4 bons  motivos:

O assunto tem importância universal

Mesmo que o evento tenha acontecido no Rio de Janeiro, há mulheres plus size em todo o mundo. Em algumas culturas, elas são até vistas como mais bonitas do que as magras.

Mas ainda assim, a forma do corpo feminino é assunto popular em todas as culturas, ainda mais se tiverem a perspectiva sensual envolvida.

A obesidade é um fator que pesa mundialmente entre a maioria dos países, já que cerca de 2 bilhões de pessoas estão acima do peso em todo o planeta, segundo um estudo global feito pelo Instituto de Métricas  e  Avaliação em Saúde da Universidade de Washington publicado em 2017.

O evento é único

Por mais que existam diversos concursos de beleza plus size como o Miss Plus Size, por exemplo, o Concurso Deusa Plus Size ainda é único no mundo e pioneiro em realçar o lado sensual e não a beleza física de suas candidatas.

Outro diferencial desse evento é que não é tão importante quem é a vencedora, escolhida como Deusa Plus Size.

O que vale é o processo de preparação de todas as candidatas para que subam empoderadas ao palco na noite da premiação.

O essencial é a autodescoberta de cada uma e como elas mostram com o seu exemplo que é possível conviver bem com o próprio corpo independente de qual manequim ele vista.

É bem contextualizado

O Concurso Deusa Plus Size acontece dentro de uma feira erótica, ou seja, está colocado em pauta na programação de um evento direcionado ao erotismo que mulheres sensuais também podem ser gordas.

Assim, não trata-se apenas do concurso em si, mas também de que está sendo exposto um comportamento até então visto como disruptivo.

O que no fundo não deveria ser, já que pessoas acima do peso também tem vida sexual, uma sexualidade. Portanto, tem todo direito de exercer e mostrar sua sensualidade.

Teve o apoio de profissionais com expertise

A equipe do MercadoErotico.org tem expertise tanto em lidar com o erotismo quanto com assessoria de imprensa de eventos com potencial internacional.

Eu  (Julianna Santos) sou relações públicas há quase 20 anos e já assessorei 10 edições da Erotika Fair em São Paulo. Foi nesse trabalho que travei relacionamento com todas as agências de notícias internacionais sediadas no Brasil.

Esse know-how levei inclusive para outros clientes na área de cultura (teatro, literatura e cinema) e esporte, quando assessorei em 2009, o Campeonato Mundial de Kendô em São Bernardo do Campo, também em São Paulo.

E sim, eu também estive assessorando o Deusa Plus Size 2017!

Não pude estar presente nessa Sexy Fair por motivos de saúde, mas contei com o auxilio de Paula Aguiar em campo.

Ninguém melhor do que uma ex presidente da ABEME – Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico, que já visitou as maiores feiras eróticas do mundo, autora de vários livros e manuais, criadora de várias estratégias de marketing do setor,  e minha parceira aqui no site, para recepcionar a imprensa in loco, providenciando todos os detalhes práticos das entrevistas.

Durante os bastidores do concurso, ela ainda deu entrevista ao Universo Artístico que estava cobrindo a Sexy Fair.

E providenciou para que os jurados do concurso,  Antônnio Ramón, Mister Rio de Janeiro e Bruno Camargo, o bombeiro do programa Eliana,  também fossem entrevistados pelo site.

Estamos sempre dispostas a auxiliar pessoas como Francilene Perez, Gisele Santos e Osmar Gil que elevam o mercado erótico a outro patamar, ao nível de discussão que a sexualidade merece ter.

Contem conosco, sempre!

Agradecemos mais uma vez a Carlos Fabal e à Agência Fran Press por esse belíssimo trabalho juntos.

Autor Julianna Santos

Relações Públicas, atuante em assessoria de imprensa e gestão de conteúdo para internet. Pós graduada em Educação Sexual pelo ISEXP – Instituto Brasileiro de Sexualidade e Medicina Psicossomática da Faculdade de Medicina do ABC, atendeu a várias empresas e profissionais do ramo erótico de 2002 até atualidade, estando inclusive a frente da sala de imprensa da Erótika Fair de 2002 a 2010. Também é certificada em Inbound Marketing pelo HubSopt Academy.

LEIA TAMBÉM

christiane-amanpour-amor-e-sexo-pelo-mundo

Viaje com Christiane Amanpour em Amor e Sexo pelo mundo

“Christiane Amanpour  Amor e Sexo pelo mundo” é uma série de reportagens disponível na Netflix …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *