Ação “Rilex no ritmo da prevenção” promove distribuição de preservativos no pré-carnaval de São José

O Carnaval, conhecido por ser um período de alegria e diversão, traz consigo também a importância da segurança e da proteção. Pensando nisso, a Rilex, empresa especializada em preservativos com sede em São José dos Campos, realiza durante o pré-carnaval da cidade, uma ação para promover a conscientização e prevenção durante os dias de folia.

A empresa distribuirá gratuitamente 900 preservativos aos foliões que marcarem presença no bloco “Aí Desgramou”, promovido pela dupla Talis e Wellinton, no dia 4 de fevereiro, domingo, na via Oeste, com previsão de início às 12h, de acordo com a organização do pré-carnaval de São José.

Visando tornar a iniciativa mais refrescante e agradável, a Rilex complementará a distribuição com sorvetes que correspondem aos sabores dos preservativos oferecidos. Um picolé de uva, por exemplo, será equivalente a um preservativo com sabor de uva. A abordagem é criativa visa associar a diversão do Carnaval com a promoção de práticas seguras e responsáveis.

Durante a concentração dos blocos, agentes de prevenção, devidamente uniformizados com o tema da ação, serão responsáveis pela distribuição dos preservativos e sorvetes, facilitando o acesso dos foliões aos materiais.

O presidente da Rilex, Eduardo Medeiros, ressalta a importância da iniciativa: “Nossa participação no Carnaval de São José será ativa e contribuiremos para que todos aproveitem os momentos festivos de maneira segura e responsável. Acreditamos que a ação será uma forma eficaz de conscientização durante a folia.”

IST’s em dados

Dados de um estudo realizado pelo Ministério da Saúde mostram que mais de 38 milhões de habitantes vivem com a incidência do vírus do HIV no país e que em 2018, a prevalência do vírus foi de 883 mil casos confirmados, o que representa uma taxa de 5,4 a cada mil habitantes.

Já a Sífilis, uma das mais antigas doenças sexualmente transmissíveis, teve um crescimento de 23% em sua taxa de detecção entre os anos de 2021 e 2022 (de 80,7 casos por 100 mil habitantes em 2021 para 99,2 casos por 100 mil habitantes em 2022).

Autor Julianna Santos

Relações Públicas, atuante em assessoria de imprensa e gestão de conteúdo para internet. Pós graduada em Educação Sexual pelo ISEXP – Instituto Brasileiro de Sexualidade e Medicina Psicossomática da Faculdade de Medicina do ABC, atendeu a várias empresas e profissionais do ramo erótico de 2002 até atualidade, estando inclusive a frente da sala de imprensa da Erótika Fair de 2002 a 2010. Também é certificada em Inbound Marketing pelo HubSopt Academy.

LEIA TAMBÉM

Como Aprender Sobre Produtos de Sexshop para Vender?

Entrar no mercado de produtos de sexshop exige mais do que simplesmente ter um estoque diversificado. Este artigo explora como aprender sobre esses produtos para vendê-los de maneira eficaz. A pesquisa de mercado é essencial para entender as preferências dos consumidores e identificar os produtos mais populares. Participar de treinamentos e workshops pode aumentar seu conhecimento técnico e prático sobre os itens vendidos, enquanto estratégias de marketing eficazes, como uso adequado de SEO e criação de conteúdo envolvente, ajudam a atrair e manter clientes. O atendimento ao cliente de qualidade, com suporte antes e depois da venda, é um diferencial importante, assim como a disposição para adaptar-se às mudanças do mercado com base no feedback dos clientes. Seguir essas etapas pode transformar seu interesse em produtos de sexshop em um negócio bem-sucedido e lucrativo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verified by ExactMetrics