sextoys veganos

Sextoys do futuro serão mais veganos

A afirmação é de Jess Wilde, que trabalha para Love Honey, a sexshop mais popular do Reino Unido. Até que ponto a presença de componentes animais nos sextoys realmente podem fazer mal à saúde de seus usuários?

“Atualmente, não há evidências que sugiram que o uso de acessórios sexuais que contenham derivados de animais sejam diretamente prejudiciais à saúde sexual”, explicou Wilde à revista Paper . Ela continuou: “no entanto, há evidências crescentes para sugerir que o uso de ingredientes de origem animal em qualquer outra parte do seu estilo de vida (seja de dieta ou de outra forma) pode contribuir para problemas gerais de saúde. Para nossos clientes recomendamos o seguinte: se você não comer, não coloque em seu corpo”.

A Love Honey atualmente já oferece uma ampla gama de produtos veganos . A lingerie é feita de cetim no lugar da seda e é livre de colas de origem animal. Os preservativos veganos, os lubrificantes naturais e os óleos de massagem também são veganos. Na linha de fetiche, o couro falso substitui o verdadeiro.

Entre com seu email para receber as atualizações:

Desenvolvimento FeedBurner

 

 

Autor Julianna Santos

Relações Públicas, atuante em assessoria de imprensa e gestão de conteúdo para internet. Pós graduada em Educação Sexual pelo ISEXP – Instituto Brasileiro de Sexualidade e Medicina Psicossomática da Faculdade de Medicina do ABC, atendeu a várias empresas e profissionais do ramo erótico de 2002 até atualidade, estando inclusive a frente da sala de imprensa da Erótika Fair de 2002 a 2010. Também é certificada em Inbound Marketing pelo HubSopt Academy.

LEIA TAMBÉM

11/05 – Stripchat chat chega ao Brasil com festa de lançamento

Evento só para VIPS acontece na Spicy Club em Moema, São Paulo e terá open bar e show da banda Young Trip além de outras atrações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.