como-usar-sextoys-de-metal

Como usar sex toys de metal?

Lindos, sensuais e muito seguros, os brinquedos eróticos feitos de metal não só aumentam a excitação, quanto têm o poder de marcar sua memória de momentos quentes. Quer ver como?

Capazes de oferecer uma estimulação verdadeiramente intensa, os sex toys de metal são fáceis de usar e duram a vida toda.

São mais pesados e duros que os revestidos por silicone, porém são mais lisos e carregam propriedades térmicas mais interessantes permitindo que você possa aquecê-los mergulhando-os em água morna ou resfriá-los em baldes de gelo.

Quando estão mais aquecidos promovem uma resposta tátil mais amigável, relaxando os músculos. Quando mais frios, adormecem a região de contato.

Outras vantagens dos brinquedos eróticos de metal

Beleza pura: reluzentes, com linhas elegantes e designs equilibrados parecem mais obras de arte ou acessórios de decoração e moda do que um brinquedo erótico. Por isso são versáteis e fáceis de camuflar no ambiente. Para os adeptos do BDSM é muito mais do que um objeto de prazer, por justamente serem funcionais, belos e repletos de significados de submissão.

Mais intensos: exatamente por serem mais pesados e duros proporcionam maior pressão localizada em qualquer manobra do seu jogo sexual sem ter que fazer muito esforço, seja estimulando o clitóris, o ponto G com uma massagem profunda e até mesmo ativar a abertura anal rica em terminações nervosas. Por isso, transferem uma sensação de maior densidade e plenitude.

Seguros: por serem feitos de metal de alta qualidade, não oferecem risco para pessoas com sensibilidade ou alergia ao látex ou outros tipos de plásticos. Perfeitamente lisos, não absorvem sujeira em sua superfície, e portanto são muito fáceis de limpar, principalmente nos casos em que são compartilháveis entre múltiplos parceiros. Basta lavá-los com água e sabão e estão prontos para o próximo uso. Isso faz com que ele dure mais também.

Tipos mais comuns de brinquedos eróticos de metal:

Para você que quando pensa em brinquedo erótico de metal, só lembra do famoso plug jóia, saiba que há uma inifinidade de outros produtos eróticos feitos desse material, veja alguns mais comuns:

  • Algemas
  • Coleira
  • Harness
  • Prendedores de mamilo
  • Cinto de castidade
  • Cinta para inversão
  • Vibrador
  • Dildo
  • Ben Wa
  • Bolinhas Tailandesas
  • Plug Anal
  • Anel peniano
  • Estimulador de próstata

Como usar brinquedos eróticos de metal

Sempre use lubrificante: e o melhor é que são compatíveis com todas as formas de lubrificante (à base de óleo, silicone ou à base de água). Quanto mais lubrificante melhor será sua experiência.

Comece com calma: por serem mais pesados e duros, apesar de serem mais lisos promovem maior pressão seja na vagina ou no ânus. Por isso, comece a mover seu sex toy de metal com leves toques e massagens suaves e sensuais nessas regiões até para que você e seu par possam sentir tudo o que esse tipo de produto pode oferecer.

Para uso anal: aplique uma quantidade generosa de lubrificante. Insira o brinquedo na abertura anal lentamente. Certifique-se de que o receptor esteja relaxado e respirando na sensação. Comunique-se durante o jogo para garantir que todos estejam confortáveis. Se o ânus estiver tenso, a penetração pode causar dor. Isto não é normal. Se algo doer, pare, dê um tempo e decida se quer continuar.

*Importante lembrar que todo sextoy destinado para uso anal, seja plug, uma réplica peniana, penentrador de outros formatos ou estimulador de próstata, tem que ter uma base de segurança, ou seja mais larga que a abertura do ânus ou em forma de alça (que nunca deve deixar de ser manipulada durante a sessão) para evitar acidentes. O intestino tem de 7 a 9 metros de comprimento e caso o sex toy entre completamente para dentro a tendência é ele ser sugado cada vez mais para o interior do corpo sendo de difícil retirada manual.

Autor Julianna Santos

Relações Públicas, atuante em assessoria de imprensa e gestão de conteúdo para internet. Pós graduada em Educação Sexual pelo ISEXP – Instituto Brasileiro de Sexualidade e Medicina Psicossomática da Faculdade de Medicina do ABC, atendeu a várias empresas e profissionais do ramo erótico de 2002 até atualidade, estando inclusive a frente da sala de imprensa da Erótika Fair de 2002 a 2010. Também é certificada em Inbound Marketing pelo HubSopt Academy.

LEIA TAMBÉM

Os mitos e verdades sobre o tamanho do pênis

O artigo fala sobre mitos e verdades sobre o tamanho do pênis. Ele esclarece que existem técnicas e exercícios que podem ser feitos para aumentar o tamanho do pênis, mas que as cirurgias devem ser consideradas com cuidado devido aos possíveis efeitos colaterais. Também menciona que o tamanho do pênis não é o mais importante para as mulheres e que o tamanho médio do pênis é de cerca de 12 a 16 cm. O artigo também menciona sobre os acessórios para aumentar o penis, como extensores, bombas de vácuo e pesos, mas alerta para o uso com cuidado e sempre consultar um médico antes de utilizá-los. Em resumo, o artigo esclarece que o tamanho do pênis não é tão importante quanto se pensa e que existem opções para aumentá-lo, mas é preciso ter cuidado e sempre buscar orientação médica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *