Carnaval: dicas para cuidar da saúde íntima durante a folia

O carnaval começa neste final de semana e alguns cuidados são importantes para não haver problemas na saúde íntima.

Por isso, listamos alguns pontos para serem seguidos durante os dias de blocos, com a ajuda de Yara Caldato (@yaracaldato), médica ginecologista regenerativa, funcional e estética. Confira:

  1. Cuidado ao utilizar o banheiro público.

É importante lembrar que banheiros compartilhados abrigam muitos germes. O quão contaminado o ambiente está vai variar da frequência em que ele é limpo durante o dia, à ventilação do espaço.

Pode haver disseminação de certos vírus e bactérias causadores de doenças nos banheiros públicos, mas sentar num vaso sanitário contaminado e pegar alguns vírus ou bactérias na pele não necessariamente deixará a pessoa doente, pois não são doenças causadas somente por contato.

Porém se a mulher estiver com alguma lesão na pele, pode ser contaminada por alguma bactéria específica.

  1. Não prenda o xixi.

Quanto mais segurar a urina para ir em um banheiro adequado, maior a chance de gerar problemas, como a infecção urinária, por conta da presença de bactérias, explica a ginecologista.

Os “condutores urinários” podem ser uma opção. Há os feitos por materiais como silicone, plástico e papelão fáceis de encontrar na internet.

  1. Evite fantasias apertadas e desconfortáveis.

O calor pode prejudicar a saúde da vagina, pois a combinação de clima abafado, suor e atrito junto com roupas ‘justas’ ou de tecidos sintéticos, faz com que a região se torne favorável ao surgimento de fungos e bactérias, que podem desenvolver doenças como a candidíase, informa Yara.

Roupas molhadas também devem ser evitadas. O ideal é sempre proteger a área íntima com peças 100% algodão.

  1. Não compartilhe peças íntimas.

Regra básica, as peças íntimas são de uso único e exclusivo. Lembrar que podem ser transmitidas doenças com o compartilhamento.

  1. Proteja-se sempre! Use preservativo.

Além de prevenir a gestação indesejada, o uso do preservativo é importantíssimo para evitar contaminação por doenças sexualmente transmissíveis.

Lembrar que as doenças também são transmitidas através do sexo oral e anal, portanto, sempre usar preservativo em todas as práticas.

Além disso, Yara compartilhou em seu instagram e apontou alguns itens indispensáveis para levar na pochete:

Camisinhas (masculina ou feminina);
Lenços umedecidos;
Álcool em gel (para a limpeza das mãos).

Autor Julianna Santos

Relações Públicas, atuante em assessoria de imprensa e gestão de conteúdo para internet. Pós graduada em Educação Sexual pelo ISEXP – Instituto Brasileiro de Sexualidade e Medicina Psicossomática da Faculdade de Medicina do ABC, atendeu a várias empresas e profissionais do ramo erótico de 2002 até atualidade, estando inclusive a frente da sala de imprensa da Erótika Fair de 2002 a 2010. Também é certificada em Inbound Marketing pelo HubSopt Academy.

LEIA TAMBÉM

beneficios-do-pompoarismo-para-a-saude-da-mulher

Os Benefícios do Pompoarismo para a Saúde da Mulher

O pompoarismo é uma prática milenar originária da Índia e difundida na Tailândia, que consiste em exercícios de contração e relaxamento dos músculos do assoalho pélvico. Essa técnica, muitas vezes associada à sexualidade feminina, oferece uma série de benefícios para a saúde da mulher que vão muito além do aspecto sexual.  Veja mais aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verified by ExactMetrics